sexta-feira, 5 de julho de 2013

Bate...Bate

A vida é como um brinquedo que bate-bate.
As vezes a batida é violenta e te chocalha inteira,
Arremessa para frente e para trás,
Revira tudo por dentro.
As vezes te para numa freada brusca.
Te faz parar meio tonta, analizar melhor o caminho a seguir,
Ficar em pé parece uma missão quase impossível,
Mas você precisa se arriscar.
É chegada a hora de tomar uma decisão.
E uma força descomunal de faz sair da inércia.
Os primeiros passos parecem incertos, 
O caminho meio sinuoso se abre a sua frente.
só resta firmar o corpo, abrumar os passos e seguir.
Como um bate-bate, firme, forte e certeiro.
        cida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário