quinta-feira, 11 de abril de 2013

SAUDADES


Saudades,
Essa que entra sem pedir licença
Chega chegando e toma conta do corpo e da alma da gente.
Saudades de você que já se foi e não voltará jamais.
Daquele que vive distante e não encontra tempo e nem desejo de para voltar...
Do olhar que se perdeu, do seu jeitinho especial de tocar no fundo da razão, com
uma mais simples palavra .
Do seu jeito de caminhar, leve e sem tropeços.
Do beijo sem malícia.
Do amor que nunca vi igual.
cida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário